ELKAB 2

AUTOMOTIVE COMPONENTS

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

 

POLÍTICA DE PRIVACIDADE NO SIGNIFICADO E PARA OS EFEITOS DA ARTE. 13 DO REGULAMENTO DA UE 679/2016


Prezado Cliente, informamos que o Regulamento Europeu n. 679, de 27 de abril de 2016, relativa ao tratamento de dados pessoais, prevê a proteção das pessoas singulares no que diz respeito ao tratamento de dados pessoais.

Conforme exigido pela legislação atual, fornecemos as seguintes informações sobre o processamento de seus dados.

 


1. Controlador de dados


O Controlador de Dados é Elkab 2 S.r.l., com sede em Candiolo (TO), via Pinerolo n. 95 - ITALY, código fiscal e número de IVA 0637050010 com os seguintes dados de contacto:

Tel. 011 9621520

Fax: 011 9621820 

Endereço de e-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.  

 


2. Finalidade, base legal do processamento e tipos de dados processados


O processamento de dados pessoais destina-se exclusivamente a:

  • - execução da relação contratual;
  • - cumprimento das obrigações estabelecidas por leis relacionadas à relação contratual;
  • - execução de obrigações relacionadas à gestão, administrativa e contábil;
  • - protecção dos direitos contratuais

A base legal do tratamento é o contrato.

O titular pode ser tratado exclusivamente para os fins indicados, apenas dados comuns, tais como dados pessoais, números telemáticos e telefónicos, carga / responsabilidades realizadas dentro do cliente Empresa / Organização, juntamente com dados econômicos e financeiros, nome da empresa , escritórios jurídicos, referências bancárias do próprio corpo da empresa / cliente.

Os dados pessoais serão processados de acordo com os princípios de correção, legalidade, transparência para o gerenciamento do relacionamento contratual e para acompanhar suas solicitações.

 


3. Métodos de processamento


Os dados pessoais serão processados em papel, informatizados e telemáticos e incluídos nas bases de dados relevantes que serão acessíveis pelas pessoas responsáveis pelo processamento de dados.

O processamento também pode ser realizado por terceiros que forneçam serviços específicos de processamento, administrativos ou instrumentais necessários para atingir os objetivos acima mencionados.

Todas as operações de processamento de dados são realizadas de forma a garantir a integridade, confidencialidade e disponibilidade de dados pessoais..

 


4. Duração da retenção de dados pessoais


Os seus dados serão tratados com o período de tempo permitido, ou impostas pelos regulamentos aplicáveis na gestão do contrato e o tempo necessário para assegurar a protecção jurídica, para você e para os dados, em termos de contratos e extra-contratual.

 


5. Âmbito da comunicação e divulgação de dados


Em relação aos fins indicados no ponto 2, os dados podem ser divulgados para os seguintes assuntos:

  • - fornecedores de produtos ou serviços para o cumprimento da relação contratual ou para obrigações relacionadas;
  • - administrações públicas ou organismos públicos no cumprimento de obrigações regulamentares;
  • - companhias de seguros e instituições bancárias;
  • - recursos internos do proprietário, que receberam instruções especiais;
  • - assuntos externos apontados como Processadores de Dados (por exemplo: consultores de TI, empresas especializadas em software);
  • - profissionais e empresas de gestão e gestão de empresas;
  • - empresas e escritórios de advocacia para a proteção de direitos contratuais;
  • - agentes, representantes;
  • - cliente e / ou contratante nos termos do contrato/subcontrato

 

6. Transferência de dados para o exterior:


O Controlador de Dados não pretende transferir seus dados pessoais para um terceiro país fora da União Europeia.

 


7. Direitos da parte interessada:


Como um interessado em processamento, você sempre tem o direito de obter do controlador de dados:

  • Art. 15 – Direito de acesso: o interessado tem o direito de obter a confirmação de que os dados pessoais estão sendo processados e / ou, neste caso, obter acesso a dados pessoais e informações sobre o tratamento. 
  • Art. 16 – Direito de retificação: o interessado tem o direito de obter a correção de dados pessoais imprecisos que lhe digam respeito, sem atrasos injustificados. Tendo em conta as finalidades do processamento, o titular dos dados tem o direito de obter a integração de dados pessoais incompletos, fornecendo também uma declaração adicional..
  • Art. 17 - Direito de cancelamento: o titular dos dados tem o direito de obter do controlador de dados a supressão dos dados pessoais que lhe digam respeito sem atrasos indevidos e o controlador de dados é obrigado a cancelar os dados pessoais sem demora injustificada. 
  • Art. 18 – Direito de limitar o processamento: o titular dos dados tem o direito de obter do controlador de dados a limitação de processamento quando ocorrer uma das seguintes hipóteses:
             a) o interessado contesta a exatidão dos dados pessoais pelo período necessário para que o controlador de dados verifique a exatidão de tais dados pessoais.

b) o processamento é ilegal e o interessado se opõe ao cancelamento de dados pessoais e solicita que o seu uso seja limitado.

c) embora o controlador de dados não precise mais dele para fins de processamento, os dados pessoais são necessários para que o titular de dados determine, exerça ou defenda um direito em juízo.

d) O interessado se opôs ao tratamento previsto no artigo 21.º, n.º 1, enquanto se aguarda a verificação da possível prevalência das razões legítimas do responsável pelo tratamento de dados em relação às da parte interessada.


  • Art. 20 – Direito à portabilidade de dados: o titular dos dados tem o direito de obter uma cópia de seus dados pessoais fornecidos de forma estruturada, comumente usada e legível por dispositivo automático ou solicitar que seja transmitida para outro Controlador de Dados.
  • Art. 21 – Direito de oposição: o titular dos dados tem o direito de se opor ao processamento de dados pessoais.
  • Art. 22 – Direito de não ser submetido a tomada de decisão automatizada, incluindo perfil: o titular dos dados tem o direito de não ser submetido a uma decisão baseada exclusivamente no processamento automatizado, incluindo o perfil, que produz efeitos legais sobre ele ou afeta de maneira semelhante significativamente em sua pessoa. 

Você também tem o direito e o direito de apresentar uma queixa às autoridades de supervisão (Autoridade para a proteção de dados pessoais – www.garanteprivacy.it).

You are here: Política de privacidade interna